`
bgvaginapq.png

papo online, aberto e gratuito, dia 24/05, das 19h30 às 21h30

Vagina sem medo

práticas libertadoras para cuidar
da sua saúde

É preciso ocupar nossos corpos. Despertar a curiosidade sobre os nossos processos de saúde e tomar a frente deles. Precisamos conhecer e nos tornar amigas das nossas vaginas. Desconstruir a ideia de que elas são sujas, feias ou que apenas companheiro(a)s e especialistas deveriam acessar.

Você conhece sua vagina?

Se você não costuma explorar a sua amiga, você não está sozinha.
Dentre as entrevistadas em uma pesquisa do instituto Eve Appeal:

 

somente

1/3

das mulheres conseguiram identificar suas vulvas

apenas

35%

identificaram corretamente partes da anatomia feminina

enquanto

60%

identificaram corretamente a anatomia masculina - quase o dobro


 

Te convidamos para um encontro com você. 

Na próxima quinta-feira, dia 24/05, das 19h30 às 21h30, a obstetriz Ellen Flamboyant, do Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde, estará conosco em um papo online gratuito e aberto para aprendermos a observar nossas vaginas, sem receio. 

Vamos conversar sobre autocuidado a partir do conhecimento da nossa anatomia, fisiologia e funcionamento. 

A ideia é nos colocarmos como sujeito da ação de saúde para sermos capazes de entender, decidir e cuidar do nosso próprio corpo. Alguns dos tópicos que serão abordados são:

8044918595_ffe3b7fcd1_o.jpg
 
 
  • Como chegamos a esta relação distante dos nossos corpos.
  • Como o machismo e o racismo estão diretamente relacionados a práticas abusivas em consultas ginecológicas.
  • A importância do auto exame como prática feminista.
  • Práticas para fazer a auto-observação da vagina e colo do útero que você pode realizar de forma simples, no conforto da sua casa.

Vamos juntas.

Quando: quarta, dia 24 de maio das 19h30 às 21h30.
Onde: sala virtual, link será enviado para o seu e-mail cadastrado na inscrição.

 

Seu corpo é lindo. Sua vagina é linda.

Por não sermos incentivadas a observar (ou tocar) nossas vaginas, a ideia de existir uma aparência padrão também alcança esta parte do nosso corpo. Vamos abordar este assunto em nosso papo online do dia 24/05. Inscreva-se.

Uma saída para fugir das prisões estéticas é cercar-se de referências que nos mostrem a beleza de cada corpo, único. Encha sua timeline de imagens que trazem menos pressão e mais respiro. Estes perfis do instagram retratam a diversidade dos nossos corpos e abrem espaço para admirarmos a diversidade ao invés do padrão:


Fique amiga dela.

22384110_1654213004612300_2496154601712344650_o.jpg

Este papo online trará uma pequena amostra do conteúdo abordado na oficina Fique Amiga Dela, do Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde, que acontece presencialmente em diversos locais do Brasil, onde em um dia inteiro as mulheres se aprofundam nos temas. Se quiser dar uma checada, dá o play aqui.

Ellen Flamboyant é obstetriz do Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde e é uma das especialistas que apoiou a construção da trilha de Saúde Autônoma.

Este é um dos encontros da trilha sobre Saúde Autônoma: um percurso em busca do equilíbrio e autocuidado para nós, mulheres.

Para além das regras rígidas que generalizam, das receitas prontas e das fórmulas milagrosas: o que sabemos sobre nossa saúde? 

Uma jornada de aproximação das mulheres com os seus corpos. É uma jornada rumo ao equilíbrio.

São quase 2 meses desenvolvendo um olhar carinhoso e profundo sobre o tema através de textos, vídeos, práticas, hangouts e trocas no fórum.

Área de login
Bem-vinda, (First Name)!

Esqueceu a senha? Mostrar
Entrar
Acessar área logada
Meu perfil Não é usuária? Cadastre-se Sair