`

feminilidade

#1 Como educamos mulheres para sofrer  —  uma reflexão sobre feminilidade e amor

#1 Como educamos mulheres para sofrer  —  uma reflexão sobre feminilidade e amor

Amor e feminilidade. Estes elementos estão intrinsecamente ligados e, quando ambos são distorcidos, o resultado dessa mistura é sempre perigoso. No primeiro texto da trilha de Autonomia Afetiva, Débora Nisenbaum traz um relato afiado sobre o assunto e nos ajuda a ressignificar esses dois conceitos tão importantes. 

Área de login
Bem-vinda, (First Name)!

Esqueceu a senha? Mostrar
Entrar
Acessar área logada
Meu perfil Não é usuária? Cadastre-se Sair