`

#8 Papo online "Tomando as rédeas do seu corpo" com Halana Faria

No primeiro encontro virtual da trilha de Saúde Autônoma, conversamos com a ginecologista e obstetra Halana Faria sobre como consultas ginecológicas acolhedoras podem transformar nossa relação com a saúde. 

Halana é uma profissional de saúde que questiona os padrões vigentes da medicina tradicional e que inclui, em suas consultas, um jeito de cuidar que promove o autoconhecimento das mulheres. Pratica uma medicina mais doce, como ela mesma denomina, porque acredita que é possível e necessário oferecer às mulheres outro tipo de atendimento à sua saúde sexual e reprodutiva, diferente do que normalmente é ofertado.

Recomendamos fortemente que você dê play nesse papo na íntegra, mas também aproveitamos para listar aqui um breve resumo das recomendações gerais da Halana para termos uma postura mais protagonista frente a nossa saúde. Vamos lá? 

Observar sem noiar

Halana recomenda que façamos anotações diárias sobre diversos aspectos da nossa saúde ou sobre algum ponto específico que se queira acompanhar. Perceber os sintomas de uma forma continuada — mas sem virar refém destas anotações ou procurando significados em toda e qualquer variação de comportamento do nosso corpo — nos ajuda a conhecer de forma mais profunda nosso funcionamento.

Buscar informações direto da fonte

Em vez de confiarmos plenamente naquilo que ouvimos nos consultórios, por que não buscamos ampliar o olhar? Existem diversas informações de fontes confiáveis que estão acessíveis para nós. Halana cita relatórios do Ministério da Saúde ou da Organização Mundial da Saúde (OMS) que são leituras simples e que podem nos munir para conversas mais aprofundadas com os profissionais de saúde que nos atendem.

Expandir a percepção de cuidado de si

Ampliar nossas noções de autocuidado para além da doença é uma forma de se responsabilizar verdadeiramente pela nossa saúde. Em um papo de 1 hora e meia sobre saúde, a maioria das perguntas foram sobre doenças. É urgente ampliar essa percepção e incorporar os cuidados com a alimentação, movimentos do corpo e saúde mental como os grandes aliados no tratamento das nossas questões.

Confira a conversa na íntegra, em vídeo ou áudio:

Aqui você encontra as redes e materiais citados por Halana durante o bate-papo:

Casa de Amaterasu, blog autoral da Halana Faria

Pequeno manual de insubordinação a consultas ginecológicas 

Ovários policísticos - Informação para combater medicalização 

Canal da Halana no YouTube

Blog da Lara Briden, para mergulhar em como revolucionar os ciclos. 

Blog Lado Oculto da Lua, sobre fertilidade feminina

Imagem do espéculo, instrumento utilizado em consultas e que pode ser utilizado em casa para  autoexames 

 

A nossa conversa segue sempre no fórum:

faça login para ver a conversa e se conectar direto ao tópico de saúde autônoma

Área de login
Bem-vinda, (First Name)!

Esqueceu a senha? Mostrar
Entrar
Acessar área logada
Meu perfil Não é usuária? Cadastre-se Sair