`
Sentry Page Protection

#4 Um olhar para a infância: a importância da introdução no mundo dos alimentos

 

centésima vigésima sétima página

- brigado main. essa foi a melhor comida que eu já comi.

Hari, 6 anos de vida, sobre a sopa de hoje.

(Do diário de gestante, Fabiolla Duarte)

 

Do peito à panela: como a introdução alimentar do bebê e a relação que se dá com os alimentos ainda na infância são pilares essenciais na formação da nossa dinâmica com a comida quando adultas? De que forma nosso primeiro contato com os alimentos se desenrolam continuamente até hoje, nas mulheres que somos? Fabiolla, educadora e fundadora do Colher de Pau, nos ajuda nesse processo de investigação. 

Dá o play e depois volta aqui na prática abaixo, pra olhar para sua própria história com a comida a partir da informação que a Fabi trouxe no vídeo.

Prática sugerida:

Pare um pouco e olhe amorosamente para trás e para dentro, para o seu passado e a sua infância. Se precisar, converse com sua mãe, seus pais, pessoas da sua família que se envolveram no seu processo alimentar lá do comecinho. Veja fotos, tente fazer um resgate curioso. Como foi seu processo de amamentação? E como foi sua introdução no mundo dos alimentos? Ela foi programada, foi focada em uma perspectiva nutricional indicada pelo médico ou ela foi natural e orgânica? Foi lúdica, exploratória, ou foi rotineira e organizada?

O que você comia quando era bebê? O que gostava de comer? Ia para a mesa junto com a família ou comia sozinha? Depois, qual era a dinâmica que se instaurava em torno da comida? Você comida tudo? Era obrigada a limpar o prato? Era recompensada quando comia tudo? Que lógica familiar, do ambiente, estava presente?

Recorde, relembre e anote tudo o que vier à tona e te perecer importante. Pode anotar com frases, textos — feito diário — ou desenhos. O que importa é decantar as lembranças e entender que a conexão com a comida existe hoje por conta de uma história de infância, uma dinâmica familiar antiga.

Essa viagem para o passado é um passo em direção a um olhar mais amplo para nossa relação com a comida.

A gente te espera lá no fórum para continuar essa conversa.


Gabrielle Estevans é jornalista, editora de conteúdo e coordenadora de projetos com propósito. Nessa trilha, é editora-chefe, participante e caseira. 

Área de login
Bem-vinda, (First Name)!

Esqueceu a senha? Mostrar
Entrar
Acessar área logada
Meu perfil Não é usuária? Cadastre-se Sair